Fiscais SECIMA, acompanham rompimento de barragem em Itaberaí

23/02/2016


Fiscais da Secretaria de meio ambiente, infraestrutura e recursos hídricos(SECIMA), estiveram ontem(22), na área afetada pelo rompimento de duas barragens na região de Itaberaí. Conforme relato dos próprios fiscais, será necessário uma semana para percorrer toda a área e avaliar a amplitude dos danos ambientais.

O proprietário da fazenda, Alcides Basílio de Oliveira, possui outorga de uso de água junto à Secima, mas não possui a licença ambiental de instalação da barragem que se rompeu e acabou por destruir uma segunda barragem a cerca de três quilômetros da GO-070. Uma licença ambiental emitida pelo município foi apresentada e suas condicionantes serão avaliadas para constatar se a barragem foi feita conforme as determinações da licença ambiental.Os fiscais vão continuar na região até que o relatório sobre o caso seja concluído.

Fonte: SECIMA
Foto: Reprodução O Popular