Consocial reúne mais de 200 pessoas em Itaberaí

02/09/2011  17:30

O secretário-chefe da Controladoria-Geral do Estado (CGE), José Carlos Siqueira, afirmou hoje, ao abrir a primeira etapa regional da Conferência sobre Transparência e Controle Social (Consocial), em Itaberaí, que numa democracia a população pode dar efetiva contribuição ao poder público, se organizando para acompanhar, participar e cobrar de forma consistente maior transparência dos atos da administração. 


Conforme o secretário, Goiás é o primeiro Estado do País a iniciar as discussões sobre o tema, com perspectiva de contribuir efetivamente no Plano Nacional de Transparência e Controle Social que será elaborado a partir da realização das conferências nos municípios, nas regiões, nos Estados e, finalmente, em âmbito nacional. “A sociedade precisa estar organizada, mas os governos devem ter vontade política de informar e mostrar, de forma transparente, os atos da administração, especialmente no que se refere às receitas e gastos públicos”, ressaltou Siqueira, acrescentando que o Governo de Goiás está empenhado em motivar e organizar a população para esta tarefa.


O prefeito de Itaberaí, Benedito Caetano de Araújo, observou que a administração pública tem passado por grandes mudanças nos últimos anos e a população deve exercer papel cada vez mais decisivo na fiscalização do poder público. Ele agradeceu ao Governo do Estado por escolher Itaberaí para sediar uma das etapas da Consocial.



Participação
Em Itaberaí, mais de 200 pessoas participaram da Conferência, demonstrando grande interesse em discutir os temas e formular propostas para serem apresentadas na etapa estadual, a ser realizada nos dias 1º e 2 de dezembro em Goiânia. Estiveram presentes representantes dos municípios de Goianira, Heitoraí, Araguapaz, Caturaí, Nerópolis, Itaguari, Goiânia, Itapuranga, Caldazinha, Guapó e Sanclerlândia. 

Mais informações: (62) 3201-5366

Fonte: Goiás Agora