Programa Bolsa Futuro oferece 700 vagas em cursos de qualificação em Itaberaí

05/01/2012  16:45


Beneficiários dos programas Renda Cidadã e Bolsa Família têm até o dia 16 de fevereiro para fazer a inscrição em um dos dez cursos oferecidos pelo Programa Bolsa Futuro, desenvolvido pelo governo estadual por meio da Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia (Sectec).


São oferecidas 50 mil vagas, em 52 municípios-pólos. Em Itaberaí, serão oferecidas 700 vagas. Os selecionados para os cursos receberão uma bolsa de incentivo no valor de R$ 75, durante seis meses. Aqueles que obtiverem nota superior a oito, na avaliaçã o do curso, receberão mais um mês de benefício. Em Goiás, 400 mil famílias participam de programas de renda mínima, sendo que 60 mil são beneficiárias do Renda Cidadã.

Os cursos serão ministrados à distância, mas um terço das aulas será presencial. São oferecidos dez cursos nas áreas de comércio, apoio, agropecuária e indústria e infraestrutura. Todos terão duração de 264 horas, equivalente a seis meses, sendo 12 horas semanais. As aulas à distância serão ministradas por meio do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), pela internet, que poderá ser acessado de qualquer local e no horário que for mais conveniente para o aluno. Haverá também estudo por apostilas.


Para se inscrever, é necessário ser beneficiário dos programas de transferência de renda, ter no mínimo 16 anos e ter concluído o ensino fundamental e disponibilidade para cumprimento da carga horária, à distância e presencial. Só será aceita uma inscrição por pessoa, para uma cidade, que deverá se matricular, obrigatoriamente, em dois cursos de qualificação.


A falta de acesso à internet não é impedimento para participação nos cursos, assinala a chefe de Gabinete de Gestão de Capacitação Profissional e Tecnológica da Sectec, Soraia Paranhos Netto, responsável pela coordenação do programa. Segundo ela, os sábados serão reservados, nos pólos, para os alunos usarem a internet.

Além disso, eles poderão estudar por apostilas, que serão fornecidas. O objetivo do programa, explica Soraia, é oferecer qualificação profissional para os trabalhadores goianos, para que tenham oportunidade de ingressar no mercado de trabalho e acompanhar o ritmo de crescimento do Estado. "Queremos oferecer uma nova oportunidade a famílias de baixa renda", diz. A meta, assinala a coordenadora do Bolsa Futuro, é qualificar 500 mil pessoas em três anos, sendo que 200 mil delas beneficiárias dos programas sociais.


A inscrição, alerta Soraia Paranhos, só será feita pessoalmente e mediante apresentação de toda a documentação exigida. A previsão é que o resultado da seleção dos beneficiados seja divulgado a partir do dia 12 de março.


Locais de inscrição em Itaberaí:

• Secretaria Municipal de Educação de Itaberaí, Praça Balduíno da Silva Caldas, Qd. 4-A, Lt. 09, Centro.
• Subsecretaria de Estado da Educação, Av. Derval de Castro, esq. c/ Pio XII, s/n, Centro.


Fonte
: Acontece Notícias