Nota de Itaberaí na Prova Brasil está acima da média Estadual e Federal


06/02/2013

O resultado da Prova Brasil 2011, teste realizado a cada dois anos para avaliar o ensino e aprendizagem dos estudantes brasileiros, foi divulgado pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) e serviu como um alerta para a rede pública de ensino de Itaberaí, que apesar de estar acima da média, o aprendizado de Português e Matemática do 9° ano está muito baixo. As razões que podem ser apontadas como as responsáveis para a baixa média são várias, que vão desde a estrutura das escolas até o excessivo número de faltas por parte dos alunos.


A média geral do aprendizado das escolas da cidade cresceu nos últimos dois anos. Em 2009, 29,25% dos estudantes Itaberinos aprendiam de acordo com a etapa escolar, segundo o MEC. Em 2011, o resultado registrado foi de 36%.


A matemática é um dos principais problemas no 9º ano da rede pública de ensino, APENAS 13% é a proporção de alunos que
aprenderam o adequado na competência de resolução de problemas até o 9º ano.


Vamos expor agora as escolas que tiveram a MELHOR e PIOR nota em Itaberaí:

Na disciplina Português na escola de 5º ano, a melhor escola foi a Maria Olinta onde 59% dos alunos aprenderam o adequado na competência de leitura e interpretação de textos e a pior escola foi Genoveva Cabral com 46%.
Na mesma disciplina só que do 9º ano, a melhor escola foi a Benedito Pinheiro de Abreu com 32% e a pior o Padre Elígio com 17%.

Na disciplina Matemática de 5º ano, a melhor escola foi Genoveva Cabral onde 65% dos alunos aprenderam o adequado na competência de resolução de problemas e a pior foi a Modestina com 44%. Na mesma disciplina só que do 9º ano, a melhor escola foi a Genoveva Cabral e Padre Elígio ambas com 18% e a pior foi o Rocha Lima com 7%.


Compartilhe:


 



Comentários: