Itaberino Honestino Guimarães recebe anistia

12/04/2014


Foi publicada nesta sexta-feira (11) no Diário Oficial da União a declaração que concede anistia política “post mortem” ao líder estudantil e ex-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) Honestino Guimarães. O documento também determina retificação do atestado de óbito, para que conste como causa da morte “atos de violência praticados pelo Estado”.





Perseguido pela ditadura militar no Brasil, o ex-líder estudantil desapareceu no dia 10 de outubro de 1972, após ser preso pela sexta vez, no Rio de Janeiro. Ex-aluno do curso de geologia da UnB, Honestino Monteiro Guimarães dá nome ao atual Diretório Central dos Estudantes (DCE) da instituição.


Compartilhe:


 



Comentários: